Alunos da FAP estudarão em prédios alugados enquanto unidades estão interditadas

A Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SETI) deve alugar prédios temporários para retomar as aulas do Campus de Curitiba II, da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), que abriga a Faculdade de Artes do Paraná (FAP). A medida vai ser adotada enquanto as unidades da instituição estão interditadas, por problemas na estrutura. O prédio de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, já havia suspendido as atividades no início de março.

No local, o curso de Cinema não chegou a ter aulas em 2019. A interdição total, feita pela Paraná Edificações e Defesa Civil, veio após um episódio no bloco 1 da unidade Cabral.  Parte do forro de uma sala de aula despencou. O momento foi registrado em vídeo pelos alunos.

O superintendente da SETI, Aldo Nelson Bona, afirma que a busca pelo prédio que deve substituir a unidade de Pinhais já vinha sendo discutida. Segundo ele, um alagamento registrado no início do ano, acelerou o processo de…

Continue lendo na fonte original

Deixe um comentário