Prefeitura de Curitiba barra atendimento de crianças com síndrome de Down em CMEIs

Quatro crianças com síndrome de Down foram impedidas de continuar frequentando Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) de Curitiba, após a administração municipal conseguir uma decisão judicial, na segunda-feira (23).

A prefeitura alega que as crianças tem idade para estar no ensino fundamental, conforme prevê a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB). Até então, a matrícula das crianças –  que estudavam há um mês nas CMEIs – eram mantidas por uma liminar, apoiada pelo Ministério Público do Paraná.

O pai de uma das crianças impedidas de frequentar um CMEI, o fotógrafo Kraw Penas, afirmou que foi orientado por profissionais particulares a manter a filha por mais um ano no ensino infantil. “Desde agosto do ano passado recebemos, nós e mais alguns outros pais de crianças na mesma situação, indicações de profissionais, psicopedagogos, fonoaudiólogas, terapeutas ocupacionais e professores de que ideal para a educação…

Continue lendo na fonte original

Deixe um comentário