Brasil: 25/03/2017 6:45  Itália: 25/03/2017 11:45
Escolha o circulo trentino do seu Estado
Circolo Trentino

Notícias

Fenômeno da emigração deverá fazer parte da grade curricular das escolas italianas


 
Difundir e preservar a memória da emigração italiana enquanto acontecimento histórico de alta relevância para o país, inserindo o tema no conteúdo ofertado na grade curricular das escolas na Itália, é o que propõe o projeto de lei apresentado, nesta quarta-feira (4), pelo deputado Fabio Porta (PD), que representa na Câmara dos Deputados os italianos residentes no exterior, na circunscrição América do Sul.
 
Segundo o projeto, que se insere no quadro de formação intercultural e tem caráter multidisciplinar, ficará a cargo do Ministério da Instrução, da Pesquisa e da Universidade (MIUR) transmitir às instituições de ensino italianas as linhas gerais do projeto, respeitando as especificidades territoriais, a fim de que a programação faça parte da oferta formativa definida para cada ano escolástico.
 
O projeto prevê que a partir do período 2009-2010, o tema emigração italiana seja inserido no programa ordinário formativo. O aprendizado de diversos aspectos da história da emigração, bem como dos fenômenos da nova modalidade que se desenvolve no país, deverá ser incluído no quadro das problemáticas inerentes à migração como traço significativo da época contemporânea.
 
O envolvimento direto das famílias dos estudantes nas atividades curriculares relativas ao tema é um dos pontos salientados no artigo que trata sobre o modo de implementação da proposta. A intenção é determinar a recuperação da memória dos eventos migratórios e favorecer a compreensão objetiva dos fenômenos de imigração que nos últimos anos vêm se desenvolvendo no país.
 
No sentido de incentivar as escolas a alcançar resultados eficazes nas atividades de pesquisa e de formação, o projeto de lei cria o prêmio nacional “Migranti como noi”, reservado às classes e instituições que se destacarem no ensino e na pesquisa sobre emigração italiana.
 
Na justificativa do projeto, que posteriormente deverá ser encaminhado à Comissão de Educação da Câmara, Fabio Porta salienta que a emigração, a partir da segunda metade do século XIX até a atualidade, tem sido um fator de profundas mudanças da sociedade italiana e a experiência mais intensa e difusa internacionalmente que os italianos têm conhecido.
 
Conforme o deputado, “a presença de centenas de jovens provenientes de diversas partes do mundo na conferência dos jovens italianos e de origem italiana, desenvolvida em dezembro de 2008, em Roma, permitiu verificar diretamente a intensidade e os valores desta disponibilidade para a recuperação das longínquas raízes e para uma renovada fase de interlocução”, argumenta.
 
Fabio Porta também destaca a importância para um país como a Itália, projetado numa dimensão internacional em razão de seu sistema econômico-social e da sua oferta cultural, contar com uma presença consolidada de comunidades de origem italiana em algumas das áreas mais importantes do mundo. “Uma constelação que, se mantida proficuamente em rede, poderá ser de apoio e impulso para a competitividade do nosso sistema no âmbito global, sobretudo na fase de estagnação e de dificuldades que estamos atravessando”, concluiu.
 
Informações sobre Fabio Porta
 
Fabio Porta foi eleito deputado pelo Partido Democrático (PD), nas últimas eleições parlamentares que ocorreram na Itália, em 13 de abril de 2008. Ele foi eleito com o voto dos italianos que residem no exterior pela América do Sul - chamada circunscrição América Meridional -, para ocupar uma cadeira na Câmara dos Deputados na Itália; ele é o único parlamentar radicado no Brasil, no Parlamento italiano.

Fabio Porta é vice-presidente  do Comitê Permanente para os Italianos no Exterior, instituído pela Comissão das Relações Exteriores da Câmara dos Deputados italiana. 
 
Histórico
 
Natural de Caltagirone (Itália), Fabio Porta, 44 anos, é casado, tem duas filhas e reside na cidade de São Paulo. Ele é formado em Sociologia Econômica na Universidade de Roma - La Sapienza, com especialização em Educação de adultos, cursada na Universidade de Firenze. Em 1986, passou a se dedicar à formação e ao desenvolvimento de projetos voltados à cooperação internacional de assistência social, entre a Itália e países da América Latina, no âmbito da UIL – Unione Italiana del Lavoro. 
 
Fabio Porta vive no Brasil desde 1998, tendo assumido, ao longo dos anos, a direção de todas as entidades mantidas no Brasil: Patronato ITAL, hoje com filiais no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Bahia, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo; UIM (União dos Italianos no Mundo); o CAAF (Centro de Assistência Fiscal) e a organização não governamental “Progetto Sud”, voltada à geração de trabalho, emprego e renda. Neste mesmo ano, foi um dos fundadores da Associação  Ponte BrasilItalia que presta assistência a 150 famílias de uma comunidade carente da periferia oeste da cidade de São Paulo. Em 1999, foi nomeado Conselheiro Técnico da Câmara Italiana de Comércio e Indústria. Desde 2005, é vice-presidente do Comites de SP.
 
ITALIA - Deputado Fabio Porta
Camera dei Deputati
Palazzo Marini II                                                  
P.zza San Claudio,166-00187 Roma   
Tel.:   +39.06.6760.5801                                        
Fax:   +39.06.6760.5832                                         
E-mail: porta_f@camera.it    

Voltar ao índice de notícias

ufficio stampa

Mural

Veja todos os recados
Olá a todos. Gostaria de saber mais sobre a famíl ...
OSMIR LUIZ SARDAGNA JUNIOR
Joinville - 08/02/2016
Olá, Bom dia! Sou Alberto Perini Neto de Lavras, g ...
ALBERTO PERINI NETO
Lavras - 03/09/2013
I ENCONTRO DA FAMILIA DELLAI DIA 06/10/2013 EM SI ...
FRANCISCO DELLAI
ARARAS - 03/09/2013
Procuro informacoes sobre a familia Comper agradeç ...
EDERSON COMPER
Lebon Regis - 01/09/2013
NOME DO MEU AVO ANTONIO DALPRAT AVO´EMILIA LOTTER ...
SONIA MARIA DALPRAT DE HELD
VINHEDO - 23/08/2013
Aqui em Alfredo Chaves (ES) existe uma grande famí ...
RUZERTE DE PAULA GAIGHER
- 17/08/2013
Ola! posso te ajudar ? sou da família Pizzini , qu ...
GIOVANNA PIZZINI ZONTA
Sorocaba - 10/08/2013
buonasera,sono il nipote diGIAMPIETRO CARRARO E WA ...
PAOLO FERRAMOSCA DOMENICONI
cittadella - 27/07/2013
Olá Nayara como vai? Espero que bem! Gostaria de c ...
MARI
SAO PAULO - 20/07/2013
Ola Nayara, eu tbém sou descendente de trentinos, ...
JOAO STEPHANO
Londrina - 14/07/2013
Amanda peliciolli cantora e instrumentista canta e ...
AMANDA PELICIOLLI
LUZERNA S/C - 07/07/2013
Olá Paulo, Sou descendente de Marchi por parte de ...
DANIELA CAMPESTRINI
Joinville - 24/06/2013
Andressa, as irmãs de meu avo Orsola Anesi casou c ...
DANIL JOÃO ANESI
Blumenau - 21/06/2013
Ola Sou descendente dos Girardi e Stolf. Tenho al ...
SANDRA GIRARDI
Blumenau - 08/06/2013
Veja todos os recados

Enquete

Para solucionar o problema das “filas da cidadania” diante dos consulados italianos no Brasil, o governo italiano lançou a “task force”. O que você acha disso ?
Resultado parcial

Publicidade



E-mail:
Senha
Comunità trentina del Brasile
Comunità dei circoli trentini del Brasile - http://www.trentini.com.br/