Brasil: 24/03/2017 9:14  Itália: 24/03/2017 14:14
Escolha o circulo trentino do seu Estado
Circolo Trentino

Notícias

Renato Borghetti toca em Borghetto-TN, terra de seus antepassados


Entrevista exclusiva para a Insieme e Federaçao dos Circulos trentinos no Brasil

 

 

Renato Borghetti toca em Borghetto - Trento, cidade de seus antepassados

entrevista por Elton Stolf, Insieme – Trento, 04 agosto 2007

 

 

 

Insieme: Renato, è a primeira vez que voce vem fazer um show aqui em Borghetto - Trento, nesta pequena cidade dos teus antepassados ? Como voce esta se sentindo em voltar as tuas origens italianas ?

 

Borghetti: Bem, eu fico muito feliz, eu ja conhecia Borghetto, tive o prazer de conhecer aqui no dia que vim tocar em Trento, no ano passado, na comemoraçao dos 130 anos da emigraçao trentina no Brasil. O pessoal que saiu aqui da Italia para o Brasil, da nossa parte da familia, sao originarios de Mantova (Lombardia), de uma cidadezinha chamada Goito, e entao o Oscar Borghetti fez essa busca aqui na Italia para saber realmente qual è a origem da familia Borghetti do Brasil, e descobriu que a nossa familia, antes de morar em Goito, Mantova, era originaria aqui de Borghetto, na Provincia de Trento. E è muito importante, muito legal poder manter essa ligaçao aqui.

                       

Insieme: Como è trazer a musica gaucha aqui aos trentinos ? Eles estao tendo uma receptividade muito boa e ontem, ao tocar em Rovereto-TN, foi assim ?

 

Borghetti: Foi sim, nos fizemos o nosso show em Rovereto tambem ontem e a relaçao que a nossa musica tem e a receptividade trentina esta na forma de tocar a gaita, porque este instrumento chegou ao Brasil, ao Rio Grande do Sul atraves da imigracao italiana. As grandes fabricas de acordeon sempre foram em regioes do Rio Grande do Sul de colonizacao italiana, como Bento Gonçalves, Caxias do Sul, entao essa ligacao com o instrumento que eu toco com a Italia è muito grande, e eu noto tambem que aqui o instrumento è muito tocado.

 

Insieme: O teu instrumento è a chamada “gaita ponto”. È o mesmo instrumento levado pelos imigrantes italianos ou ele sofreu alteraçoes brasileiras com o passar do tempo ?

 

Borghetti: Sim. È um intrumento ja aculturado ao Brasil em alguns detalhes da fabricacao, porque tem algumas modificaçoes que ate eu mesmo sugeri, quando existia a fabrica UNIVERSAL, no Rio Grande do Sul. Hoje eu trabalho com um instrumento fabricado aqui na Italia, que è a SCANDALLI, também feito desta forma, com essas nossas modificaçoes e também sou patrocinado por eles, entao divulgo o instrumento tanto aqui na Europa quanto no Brasil, e nao so eu toco, mas como ja muita gente toca com esse nosso sistema.

 

Insieme: Eles tocam com o mesmo sistema, mas nao tao bom quanto o nosso Renato Borghetti, nao é?

 

Borghetti: Nao nao … em relaçao a qualquer instrumento, nao existe bom ou melhor musico. O mais importante, e é o que eu acho, é que houve um periodo em que a Gaita estava ameaçada, tanto que a fabrica no Rio Grande do Sul nao existe mais; no Brasil nao existem mais fabricas de acordeon, e em consequencia nao existiam mais acordeonistas e o que aconteceu agora de uns 15 anos pra ca, è que temos agora uma nova leva de musicos e isso pra mim è muito gratificante e isso gera interesse em crianças e jovens em tocar o instrumento, e isso pra mim é a grande expectativa.

 

Insieme: E voce aqui na Italia, na cidade de origem da familia, voce se sente mais gaucho, brasileiro, trentino ou italiano, como è esse sentimento ?

 

Borghetti: Acho que o gaucho tem essa coisa de que quando esta longe de casa fica um pouco mais saudosista, e claro, toma chimarrao todos os dias; mas isso acho que isso è natural pela ligaçao que a gente tem com a nossa terra, com o nosso Estado. Mas nos nao estivemos so tocando aqui na Italia, nos fomos para a Alemanha, Austria, Croacia, e ai sim, quando a gente chega na Italia parece que aqui a gente esta mais em casa, porque tocamos em paises com uma lingua muito diferente da nossa e com comportamentos muitos distintos, e aqui na Italia a gente se sente muito mais em casa, entao foi bom terminarmos a turne aqui.

 

Insieme: Parabens entao Renato, por voltar às origens e por cultivar a tua italianidade mantendo essa ligaçao aqui com um pedaço do nosso trentino, e tambem compartilhar aqui conosco da Federacao dos Circulos trentios do Brasil e da revista insieme essa tua experiencia. Bom retorno ao Brasil e parabens ao grupo todo. Obrigado.

http://www.renatoborghetti.com.br/


Voltar ao índice de notícias

ufficio stampa

Mural

Veja todos os recados
Olá a todos. Gostaria de saber mais sobre a famíl ...
OSMIR LUIZ SARDAGNA JUNIOR
Joinville - 08/02/2016
Olá, Bom dia! Sou Alberto Perini Neto de Lavras, g ...
ALBERTO PERINI NETO
Lavras - 03/09/2013
I ENCONTRO DA FAMILIA DELLAI DIA 06/10/2013 EM SI ...
FRANCISCO DELLAI
ARARAS - 03/09/2013
Procuro informacoes sobre a familia Comper agradeç ...
EDERSON COMPER
Lebon Regis - 01/09/2013
NOME DO MEU AVO ANTONIO DALPRAT AVO´EMILIA LOTTER ...
SONIA MARIA DALPRAT DE HELD
VINHEDO - 23/08/2013
Aqui em Alfredo Chaves (ES) existe uma grande famí ...
RUZERTE DE PAULA GAIGHER
- 17/08/2013
Ola! posso te ajudar ? sou da família Pizzini , qu ...
GIOVANNA PIZZINI ZONTA
Sorocaba - 10/08/2013
buonasera,sono il nipote diGIAMPIETRO CARRARO E WA ...
PAOLO FERRAMOSCA DOMENICONI
cittadella - 27/07/2013
Olá Nayara como vai? Espero que bem! Gostaria de c ...
MARI
SAO PAULO - 20/07/2013
Ola Nayara, eu tbém sou descendente de trentinos, ...
JOAO STEPHANO
Londrina - 14/07/2013
Amanda peliciolli cantora e instrumentista canta e ...
AMANDA PELICIOLLI
LUZERNA S/C - 07/07/2013
Olá Paulo, Sou descendente de Marchi por parte de ...
DANIELA CAMPESTRINI
Joinville - 24/06/2013
Andressa, as irmãs de meu avo Orsola Anesi casou c ...
DANIL JOÃO ANESI
Blumenau - 21/06/2013
Ola Sou descendente dos Girardi e Stolf. Tenho al ...
SANDRA GIRARDI
Blumenau - 08/06/2013
Veja todos os recados

Enquete

Para solucionar o problema das “filas da cidadania” diante dos consulados italianos no Brasil, o governo italiano lançou a “task force”. O que você acha disso ?
Resultado parcial

Publicidade



E-mail:
Senha
Comunità trentina del Brasile
Comunità dei circoli trentini del Brasile - http://www.trentini.com.br/