Negociações são suspensas e rebelião caminha para o quarto dia

O Departamento Penitenciário do Paraná informou que as negociações com os presos da Casa de Custódia de Curitiba foram novamente interrompidas na tarde desta terça-feira e só serão retomadas na quarta-feira (4), quando a rebelião chega a seu quarto dia. Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública, não há informações sobre presos e agentes penitenciários feridos.

Desde domingo, quatro agentes penitenciários são mantidos reféns na rebelião dos presos da Casa de Custódia de Curitiba (CCC). A Polícia Militar segue fazendo o cerco no local e os negociadores do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), unidade de elite da Polícia Militar, estão em permanente contato com os presos. Representantes da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) acompanham as negociações. O abastecimento de água e energia elétrica foi cortado.

Ao todo, a Casa de Custódia de Curitiba possui 172 detentos rebelados na…

Continue lendo na fonte original

Deixe um comentário